SERVIÇOS OFERECIDOS

PROCEDIMENTOS PERCUTÂNEOS GUIADOS POR RADIOSCOPIA

PROCEDIMENTOS PERCUTÂNEOS GUIADOS POR FLUOROSCOPIA (PCS)
Os procedimentos percutâneos são indicados para aqueles pacientes (5 a 10%) que não sararam com o tratamento conservador bem efetuado. Os procedimentos percutâneos são realizados com o auxílio de aparelhos que emitem Raios-X (fluoroscopia), que nos permite acompanhar em tempo real o trajeto dos instrumentos cirúrgicos. Os PCs têm como principal vantagem de serem realizados sob anestesia local (sedação controlada) e através de punção ou pequena incisão na pele. Os PCs são minimamente agressivos, realizados em regime ambulatorial, apresenta baixa taxa de complicações se comparadas às cirurgias convencionais, permite rápida recuperação e retorno às atividades.

Principais PCs

Principais PCs:

PROCEDIMENTOS ENDOSCÓPICOS

PROCEDIMENTOS PERCUTÂNEOS ENDOSCÓPICOS (PEs)
Os procedimentos endoscópicos (semelhante à laparoscopia) tem as mesmas vantagens dos PCs e permite visualizar em monitor de TV as estruturas internas ampliadas e em alta definição (HDMITV). Os procedimentos endoscópicos estão indicados para a remoção de todos os tipos de hérnias discais (inclusive extrusas e migradas), descompressão do forame intervertebral/recesso lateral, ressecção do cisto sinovial, etc. Atualmente, em nosso serviço os PEs são considerados o “padrão ouro” para o tratamento cirúrgico de hérnias discais.

Principais procedimentos percutâneos endoscópicos lombares

Principais procedimentos percutâneos endoscópicos lombares:


ESTABILIZAÇÕES DINÂMICAS

Estabilizadores Dinâmicos Baseados em Processos Espinhosos

ESTABILIZADORES DINÂMICOS BASEADOS EM PROCESSOS ESPINHOSOS (ELPE):

Diferentemente das artrodeses que eliminam o movimento da coluna, os estabilizadores dinâmicos estabilizam a coluna preservando parcialmente o movimento do segmento motor da coluna. As estabilizações dinâmicas são cirurgias mais funcionais e menos agressivas, provoca menos trauma, menos sangramento, menos dor, menor tempo de hospitalização e rápida recuperação. As estabilizações dinâmicas podem ser baseadas em processos espinhosos ou em pedículos vertebrais.

Principais ELPE:


Estabilizadores Dinâmicos Baseados em Pedículo Vertebral

ESTABILIZADORES DINÂMICOS BASEADOS EM PEDÍCULO VERTEBRAL (ELPV):

Os estabilizadores dinâmicos baseados em pedículos vertebrais estabilizam a coluna sem promover a fusão das vértebras, isto é: preservam 20 a 25% da mobilidade do seguimento motor, diminuindo a ocorrência de acometer seguimento adjacentes (síndrome juncional). Além de ser menos agressiva, não mexe na estrutura básica da coluna, não fechando a porta para uma eventual cirurgia futura. Entre os diversos tipos de ELPV existentes, a melhor e a mais experimentada é no Mundo é o sistema de neutralização dinâmica também conhecido como DYNESYS (Dynamic Neutralization System), que foi idealizado por francês Gilles Dubois em 1994 e por nós introduzido no Brasil no ano de 2005. Desde o advento do Dynesys houve uma queda drástica na indicação da artrodese (cirurgia convencional) para doenças degenerativas lombares da coluna.

Principais ELPV:


Clínica Pacaembu
Avenida Pacaembu, 1003 em São Paulo (SP)
Telefone: +55 (11) 3662-3132 e 3667-2334

NEWSLETTER

Cadastre o seu e-mail e fique por 
dentro das novidades em primeira mão